BB prevê oferta pela Nossa Caixa nas próximas semanas

sexta-feira, 15 de agosto de 2008 14:46 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O Banco do Brasil prevê que terá concluído nas próximas semanas o valor a ser oferecido pela compra da Nossa Caixa .

"Estamos bem aparelhados. Esperamos ter o preço nas próximas semanas", disse o presidente do BB, Antônio Francisco Lima Neto, em entrevista com jornalistas sobre os resultados do banco no segundo trimestre.

A operação deve incorrer num aumento de capital do BB, que deve fazer uma oferta de ações para financiar a incorporação do banco estatal paulista.

Essa oferta também ajudará o Banco do Brasil a cumprir a regra do Novo Mercado que exige pelo menos 25 por cento de "free float". Hoje, o volume de ações do BB em circulação no mercado é de 21,7 por cento.

Lima Neto disse que espera concluir ainda em 2008 a incorporação do Banco do Estado de Santa Catarina (BSC), do Banco do Piauí e do BRB, do Distrito Federal, além da própria Nossa Caixa.

O executivo informou que também nas próximas semanas o BB vai anunciar a contratação de uma consultoria financeira para montar uma estratégia para o banco na área de seguros, depois que a instituição assumiu o controle integral da Companhia de Seguros Aliança.

Em contrapartida, o presidente do BB evitou traçar um horizonte para realizar a oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) da operadora de cartões Visanet, do qual o banco é acionista. "Ainda não podemos estabelecer um cronograma por causa das atuais condições do mercado", disse.

PROJEÇÕES

O BB manteve na faixa de 30 a 35 por cento, a expectativa de expansão da carteira de crédito total do banco. No final de junho, a carteira total era de 190,082 bilhões de reais, com crescimento de 31 por cento em 12 meses.   Continuação...