Mercados asiáticos repercutem colapso do Lehman

segunda-feira, 15 de setembro de 2008 08:02 BRT
 

Por Kevin Plumberg

HONG KONG (Reuters) - As bolsas de valores e o dólar recuavam fortemente nesta segunda-feira, depois que as negociações sobre a venda do Lehman Brothers não tiveram sucesso durante o final de semana, provocando graves incertezas sobre outros bancos e abalando a confiança no sistema financeiro.

Os mercados na Austrália, Cingapura e Taiwan caíram até 4 por cento. Feriados nas principais praças acionárias da Ásia reduziram o volume de negócios, mas os operadores encontrados seguiram um simples ditado: busque segurança primeiro e pergunte depois.

Após um tumultuado final de semana em que o britânico Barclays saiu das negociações para adquirir o Lehman, um pregão extraordinário no domingo nos mercados de derivativos foi aberto para que operadores pudessem limitar os danos pelo colapso do gigante.

O franco suíço e o iene, moedas associadas à estabilidade em épocas de dificuldade, fortaleceram-se principalmente frente ao dólar.

O índice australiano S&P/ASX 200 caiu 1,76 por cento, afetado por ações dos maiores bancos do país como o Commonwealth Bank of Australia e o Macquarie Group Ltd .

A bolsa de Taiwan TAIEX perdeu 4,09 por cento, para o patamar mais baixo desde novembro de 2005.

O índice de ações Straits Times de Cingapura caiu 3,27 por cento.