CÂMBIO-Dólar opera em leve alta com cautela antes de indicadores

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008 10:28 BRST
 

SÃO PAULO, 15 de fevereiro (Reuters) - O dólar operava em leve alta na manhã desta sexta-feira, com muita cautela em dia com agenda cheia de indicadores econômicos externos que podem definir o rumo dos negócios desta sessão.

Às 10h27, a moeda norte-americana BRBY subia 0,23 por cento, a 1,755 real. Na última sessão, a divisa refletiu a repercussão negativa do discurso do Chairman do Federal Reserve, Ben Bernanke, e fechou em alta de 0,40 por cento.

O mercado cambial desta sexta-feira teve seus primeiros negócios apenas após as 9h40, sendo que a abertura do mercado ocorre geralmente antes das 9h30.

Segundo Júlio César Vogeler, operador de câmbio da corretora Didier Levy, a lentidão dos negócios se deve à cautela e à falta de disposição dos agentes em tomar uma posição antes da divulgação de diversos índices macroeconômicos dos EUA.

Os mercados devem dar especial atenção aos dados da produção industrial e da confiança do consumidor norte-americano, que saem respectivamente às 12h15 e 13h00.

"O mercado vai ficar de olho nos números procurando por uma direção", disse Francisco Carvalho, gerente de câmbio da corretora Liquidez.

Carvalho ainda comentou a notícia da melhora da recomendação para ações nacionais pelo Morgan Stanley, que mostra que "a economia do país está bem regulada".

O Morgan Stanley elevou a recomendação para ações brasileiras de "underweight" (abaixo do mercado) para "equalweight" (desempenho em linha com a média).

Mas o analista ressaltou que "no curto prazo (o melhor) é olhar o cenário externo".

(Por Fabio Gehrke; Edição de Vanessa Stelzer)