BOLSA EUROPA-Projeção alemã e varejistas derrubam mercados

terça-feira, 15 de janeiro de 2008 09:28 BRST
 

Por Anshuman Daga e Sitaraman Shankar

LONDRES, 15 de janeiro (Reuters) - As bolsas européias operavam em queda nesta terça-feira, derrubadas por ações de varejistas e um fraco indicador sobre segurança do investidor.

As ações de empresas de varejo, o setor com pior desempenho este ano até agora, novamente perdiam seu valor depois que a maior rede do segmento na Grã-Bretanha, a Tesco (TSCO.L: Cotações), não atigiu suas previsões de vendas. Os papéis da empresa perdiam 4 por cento.

Os bancos HSBC (HSBA.L: Cotações) e Santander (SAN.MC: Cotações) também caíam enquanto as ações de farmacêuticas também sofriam desvalorização.

As 9h28 o índice FTSEurofirst 300 .FTEU3, que engloba as principais ações européias, perdia 0,84 por cento, para 1.420 pontos. No ano o indicador acumula baixa de 5 por cento.

"Os investidores estão procurando por sinais de que os problemas nos bancos acabaram mas o ponto chave a ser observado é que os bancos irão falar a respeito de algo relacionado empréstimo de propriedades comerciais", afirmou Andrew Lynch, gerente de fundos Schroders.

Pesava no clima do dia também o indicador alemão ZEW, de confiança do investidor, que veio pior que o esperado. O indicador ZEW veio em queda de 41,6 ante previsão de menos 40 e de baixa de 37,2 no mês anterior.

Nos Estados Unidos os futuros indicam abertura em queda em Wall Street. Investidores do mundo aguardam o resultado trimestral do Citigroup (C.N: Cotações), que deve ser anunciado antes da abertura do pregão do dia. A expectativa é de anúncio de prejuízos. A Intel também irá anunciar seu balanço nesta terça-feira.

Confira o desempenho das principais bolsas européias às 9h28 (horário de Brasília):   Continuação...