Vendas de veículos na Europa caem nos primeiros 8 meses do ano

terça-feira, 16 de setembro de 2008 14:08 BRT
 

PARIS, 16 de setembro (Reuters) - A demanda por carros novos na Europa caiu acentuadamente em julho e agosto, mostraram dados divulgados nesta terça-feira. Os números tornaram mais pessimista o cenário para as montadoras que contavam com vendas maiores para cumprirem metas de lucratividade.

As vendas de automóveis novos caíram 7,3 por cento em julho e 15,6 por cento em agosto em relação aos mesmos períodos do ano passado por causa de uma deterioração generalizada na confiança dos consumidores e do efeito da contínua alta nos preços dos combustíveis, informou a associação que representa a indústria, ACEA.

Nos primeiros oito meses do ano, os registros de novos carros na Europa caíram 3,9 por cento na mesma comparação.

Entre as montadoras, a Volkswwagen (VOWG.DE: Cotações) continuou sendo a maior da região e sua participação de mercado subiu ligeiramente de 19,9 por cento para 20 por cento nos primeiros oito meses do ano.

A PSA Peugeot Citroen ficou em segundo, com parcela de 12,8 por cento, contra fatia anterior de 13,1 por cento.

(Por Helen Massy-Beresford)