BOLSA EUROPA-Petrolíferas e farmacêuticas impulsionam índices

sexta-feira, 16 de maio de 2008 08:53 BRT
 

Por Eva Kuehnen

FRANKFURT, 16 de maio (Reuters) - As principais bolsas européias operavam em alta na manhã desta sexta-feira, caminhando para o maior fechamento em quatro meses impulsionadas por ações do setor farmacêutico depois de notícias positivas da Sanofi-Aventis (SASY.PA: Cotações), enquanto o segmento de energia tirava força do petróleo rondando os 126 dólares o barril.

Às 8h49 (horário de Brasília), o índice FTSEurofirst 300 .FTEU3, que engloba as principais empresas da Europa, tinha alta de 0,83 por cento, aos 1.371 pontos, seu patamar mais alto desde 18 de janeiro. Na semana, o índice acumula alta de 1,3 por cento.

"O otimismo parece ter voltado ao mercado agora. Enquanto tudo estava obscuro em meados de março, estamos no momento mais positivo para as próximas semanas e meses", afirmou o economista-chefe do M.M. Warburg, Carsten Klude.

As ações da Sanofi subiam 3 por cento à medida que osinvestidores assimilavam bons resultados de testes clínicos do novo medicamento Multaq, para o coração, que alguns analistas acreditam poder vender mais de 2 bilhões de dólares ao ano.

Grandes petrolíferas, como Total (TOTF.PA: Cotações), BP (BP.L: Cotações) e Royal Dutch Shell (RDSa.AS: Cotações), subiam mais de 1 por cento cada, acompanhando o preço do petróleo que se mantinha acima dos 126 dólares o barril CLc1.

Os investidores também analisavam os novos números do lucro da British Airways BAY.L.

A companhia aérea subia quase 7 por cento depois de revelar seu primeiro pagamento de dividendo desde 2001 e atingir a previsão de 45 por cento de aumento no lucro anual.

Entre as maiores valorizações, destacava-se também a British Energy BGY.L, que avançava 6,5 por cento depois de ter afirmado que recebeu algumas propostas de aquisição, algumas acima do preço de fechamento da ação na quinta-feira.   Continuação...