Siderúrgicas dos EUA têm salto no lucro, mas futuro é incerto

quinta-feira, 16 de outubro de 2008 12:26 BRT
 

Por Steve James

NOVA YORK, 16 de outubro (Reuters) - A siderúrgica norte-americana Nucor divulgou nesta quinta-feira lucro no terceiro trimestre quase que duas vezes maior do que há um ano, mas afirmou que a "crise financeira mundial" torna impossível fazer previsões sobre sua performance no quarto trimestre.

Outra siderúrgica dos Estados Unidos, Steel Dynamics (STLD.O: Cotações), foi mais direta, afirmando que espera um duro quarto trimestre depois de um terceiro mais fraco que o esperado.

Os resultados foram divulgados em um momento em que os preços do aço caíram acentuadamente durante a recente turbulência financeira, em meio a temores de que a demanda vai recuar diante de um crescimento mais lento na China e em outros países em desenvolvimento.

"A indústria está em desarranjo e em pânico no momento, com isso, há queda nos preços do aço", disse a analista independente Michelle Applebaum.

Ela afirmou que os preços de laminados a quente, que eram vendidos a 1,1 mil dólares a tonelada em julho, caíram atualmente à metade. Mas Applebaum avaliou que cortes de produção e redução no nível de estoques deve impulsionar os preços para cerca de 750 dólares no próximo ano.

"Os cortes de produção são sem precendentes, mas em talvez dois ou três meses você veja um mercado mais estabilizado, com preços significativamente maiores no próximo ano que no ano anterior, apesar de não tão altos quando julho", disse a analista.

A Nucor teve lucro líquido no terceiro trimestre de 734,6 milhões de dólares, ante 381,2 milhões de dólares um ano antes. A receita cresceu 75 por cento para 7,45 bilhões de dólares.

Enquanto isso, a Steel Dynamics, informou no final da quarta-feira que seu lucro líquido no trimestre passado somou 193 milhões de dólares, 92 por cento acima do registrado no ano passado.