RPT-Mercados brasileiros operam dentro do normal--Meirelles

terça-feira, 16 de setembro de 2008 07:09 BRT
 

(Repete matéria publicada na noite de 2a-feira)

SÃO PAULO, 16 de setembro (Reuters) - Apesar do aumento da volatilidade, os mercados brasileiros estão operando com normalidade diante da turbulência internacional causada pelo colapso do Lehman Brothers, disse na segunda-feira o presidente do Banco Central, Henrique Meirelles.

Ele afirmou que o BC está em contato permanente com autoridades monetárias no exterior para monitorar o cenário global, mas que até o momento não teve de fazer nenhuma "gestão extraordinária de liquidez" nos mercados domésticos.

"Os bancos brasileiros têem um colchão confortável de liquidez, na medida que seu capital ajustado pela sua exposição ao risco está em média superior ao exigido pelo BC", disse ele.

A turbulência dos mercados internacionais foi provocada pela desconfiança dos investidores em relação à saúde do sistema financeiro norte-americano, que vem sofrendo perdas gigantescas com ativos atrelados ao mercado de hipotecas.

Meirelles afirmou, no entanto, que os bancos brasileiros não tem exposicão a este tipo de ativo e que a economia do país está mais resistente aos choques externos.

"Não existe descolamento completo de nenhuma economia, o que existe é um aumento de resistência à crise", disse Meirelles a jornalistas, citando as reservas internacionais brasileiras, acima de 200 bilhões de dólares, e o fato de o país ser um credor internacional.

O presidente do BC disse que diante do aumento da volatilidade internacional a autoridade monetária não poderia se ausentar.

"É importante que o BC faça uma avaliação, transmita a população e aos mercados uma mensagem de serenidade."

(Por Walter Brandimarte; edição de Alexandre Caverni)