CÂMBIO-Atento ao exterior, dólar recua e aguarda volatilidade

segunda-feira, 16 de junho de 2008 11:08 BRT
 

SÃO PAULO, 16 de junho (Reuters) - O dólar operava em queda nesta segunda-feira, acompanhando a movimentação internacional no início de uma semana carregada de resultados financeiros e indicadores econômicos.

Às 11h05, a moeda norte-americana BRBY era cotada a 1,628 real, em baixa de 0,49 por cento. No exterior, o dólar recuava 0,45 por cento diante de uma cesta das principais moedas internacionais .DXY.

O real tem ainda mais combustível para subir ante o dólar do que outras moedas. "Em comparação com outras divisas importantes, o real continuou a ganhar algum espaço", afirmou o BNP Paribas em relatório.

A queda global do dólar nesta sessão ocorria após o recorde da inflação na zona do euro. Com a alta dos preços, o Banco Central Europeu (BCE) pode subir o juro já na próxima reunião, aumentando a atratividade das aplicações em euro e valorizando a moeda única da região.

Mas esse comportamento do dólar não indica uma tendência para os próximos dias, segundo Jorge Knauer, gerente de câmbio do Banco Prosper, no Rio de Janeiro. "A tônica da semana é volatilidade, e eu não arriscaria a dar uma direção para o dólar nesses dias", afirmou.

Entre os eventos mais aguardados da semana estão os balanços de bancos como Goldman Sachs e Morgan Stanley --o Lehman Brothers já anunciou prejuízo nesta manhã-- e o índice de preços ao produtor nos Estados Unidos, na terça-feira.

Dados mostrando inflação aquecida nos EUA também tornariam mais provável um aumento do juro norte-americano, invertendo o movimento de curtíssimo prazo do câmbio e podendo valorizar o dólar ante as demais moedas.

Além do exterior, o mercado brasileiro monitora o fluxo de câmbio para o país.

(Reportagem de Silvio Cascione; Edição de Daniela Machado)