Governo marca leilão do rio Madeira para dia 29 de novembro

quarta-feira, 17 de outubro de 2007 18:03 BRST
 

Por Denise Luna

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O Ministério de Minas e Energia informou nesta quarta-feira que o leilão da primeira das usinas hidrelétricas do rio Madeira, em Rondônia, será realizado no dia 29 de novembro.

O governo brasileiro corre contra o tempo para publicar o edital de venda dentro do prazo regulamentar de 30 dias antes do leilão. Para isso, o edital teria que ser publicado até o dia 30 de outubro.

O Tribunal de Contas da União (TCU) aprovou na semana passada os termos preliminares do edital, mas fez ressalvas sobre possíveis problemas com as tarifas no futuro, que estariam com projeção de valor 13 por cento acima dos cálculos do TCU.

Segundo assessor do ministro interino Nelson Hubner, o edital será modificado para atender às sugestões do TCU, mas ainda não existe um novo preço futuro da tarifa para o empreendimento.

"O preço teto será um pouco menor do que estava previsto", afirmou o assessor.

O leilão venderá a concessão para construção da usina de Santo Antônio, de 3.150 megawatts, com previsão de entrar em operação em 2013. O valor estimado do ativo é de 9 bilhões de reais. A segunda usina, de Jirau, de 3.300 megawatts, seraá vendida em 2008.

A assessoria informou ainda que o ministério publicará portaria nesta quarta-feira com mais detalhes sobre as regras do leilão.