Confiança do investidor alemão é a pior em 15 anos

terça-feira, 17 de junho de 2008 07:42 BRT
 

Por Krista Hughes e Andreas Framke

MANNHEIM, Alemanha (Reuters) - A confiança do investidor alemão piorou em junho, atingindo o menor patamar em 15 anos, alimentando as preocupações sobre as perspectivas para a maior economia da Europa.

De acordo com pesquisa feita pelo instituto ZEW, baseada em um levantamento com 264 analistas e investidores, o índice de expectativas registrou leitura negativa de 52,4 em junho, a menor desde dezembro de 1992. Em maio, o indicador registrou leitura negativa de 41,4.

Pesquisa da Reuters feita na semana passada com 45 economistas indicava que o mercado esperava uma leitura negativa de 42 para junho.

O euro zerou os ganhos frente ao dólar, enquanto que os futuros de bônus subiram depois da divulgação da pesquisa.

"O dado é realmente chocante. O clima entre os analistas caiu próximo ao ponto de congelamento", afirmou Andreas Scheuerle, economista do DekaBank.

A avaliação sobre as condições atuais na Alemanha, apurada pelo instituto ZEW, caiu para 37,6 ante 38,6 em maio, em linha com as expectativas.

"O carro-chefe da Europa está claramente perdendo ritmo", afirmou Carsten Brzeski, economista do ING, em reação aos dados divulgados nesta terça-feira.