BOLSA EUROPA-Ações seguem queda global por temor com inflação

segunda-feira, 17 de dezembro de 2007 15:33 BRST
 

LONDRES, 17 de dezembro (Reuters) - As bolsas de valores européias terminaram em queda nesta segunda-feira e atingiram o menor nível em três semanas. Os negócios foram pressionados por preocupações com inflação que abalaram mercados globais e azedaram expectativas de futuro corte da taxa básica de juros nos Estados Unidos.

O índice FTSEurofirst 300 .FTEU3, que reúne as principais ações das empresas européias, caiu 1,63 por cento, para 1.491 pontos, cortando o ganho no ano para 0,7 por cento.

Os bancos sofreram as maiores desvalorizações do dia, com UBS UBSN.VX, HSBC (HSBA.L: Cotações), Santander (SAN.MC: Cotações) e HBOS HBOS.L caindo entre 1,5 e 3,5 por cento.

Os bancos tiveram um dos piores desempenhos no ano, em um setor afetado por perdas ligadas ao aperto do crédito.

"A intensidade desta crise permanecerá conosco por uma boa parte de 2008, e a confiança não retornará até que cada banco e concessora de empréstimos revele integralmente seus ativos de alto risco", informou em nota Howard Wheeldon, estrategista sênior da corretora BGC Partners.

Papéis de mineradoras também caíram nesta segunda-feira por preocupações com o crescimento econômico.

Em LONDRES, o índice Financial Times .FTSE fechou em baixa de 1,86 por cento, a 6.277 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 1,55 por cento, para 7.825 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 .FCHI recuou 1,61 por cento, para 5.514 pontos.   Continuação...