Grupo somali diz que 469 civis foram mortos desde outubro

sábado, 17 de novembro de 2007 09:37 BRST
 

MOGADÍSCIO (Reuters) - Combates entre insurgentes e tropas aliadas da Somália e da Etiópia mataram 469 pessoas em Mogadíscio desde o início de outubro, afirmou neste sábado, um grupo de direitos humanos local que acompanha a violência.

"O número de mortos é de 155 civis em outubro e 314 até agora em novembro", disse Sudani Ali Ahmed, diretor do grupo Elman Peace and Human Rights Organization, à Reuters, acrescentando que 840 residentes da capital da Somália foram feridos desde outubro.

 
<p>Combates entre insurgentes e tropas aliadas da Som&aacute;lia e da Eti&oacute;pia mataram 469 pessoas em Mogad&iacute;scio desde o in&iacute;cio de outubro, afirmou neste s&aacute;bado, um grupo de direitos humanos local que acompanha a viol&ecirc;ncia. Photo by Reuters</p>