Ternium e governo venezuelano negociam estatização da Sidor

quinta-feira, 17 de abril de 2008 13:31 BRT
 

BUENOS AIRES, 17 de abril (Reuters) - O grupo siderúrgico Ternium TX.N informou que espera iniciar nesta quinta-feira negociações com o governo venezuelano sobre os termos da estatização das operações de sua unidade Sidor.

A Ternium, companhia listada em Nova York, baseada em Luxemburgo e controlada pelo conglomerado argentino Techint, informou que criou uma comissão de transição com o governo venezuelano. A comissão vai supervisionar as operações da Sidor até que a nacionalização da empresa seja completada.

"As discussões entre representantes da Ternium e do governo venezuelano sobre os termos e condições sob os quais toda ou uma parte significativa da participação da Ternium na Sidor será transferida ao governo devem começar hoje (quinta-feira)", informou a Ternium em comunicado.

A siderúrgica brasileira Usiminas USIM5.SA detém 14,25 por cento da Ternium.

(Por Fiona Ortiz)