Lucro do Bank of America cai 32% afetado por perdas com crédito

quinta-feira, 18 de outubro de 2007 11:56 BRST
 

NOVA YORK (Reuters) - O Bank of America, segundo maior banco dos Estados Unidos, divulgou na quinta-feira uma queda de 32 por cento no lucro do terceiro trimestre, atingido por um aumento nas perdas com crédito e pelos fracos resultados nas operações da unidade de banco de investimento.

As ações do Bank of America caíam 4,3 por cento, às 11h46 (horário de Brasília), no mesmo horário, o índice Dow Jones exibia queda de 0,12 por cento.

"Se o Bank of America aparece com números terríveis, então isso mostra que os problemas financeiros continuam", disse Peter Dunay, estrategista de investimento no Leeb Capital Management.

O lucro líquido caiu para 3,7 bilhões de dólares, ou 0,82 dólar por ação, ante 5,42 bilhões de dólares, ou 1,18 dólar por ação, um ano antes. Excluindo itens excepcionais, o lucro foi de 0,84 dólar por ação, segundo a Reuters Estimates, abaixo da média das previsões dos analistas, de 1,06 dólar.

As receitas caíram 12 por cento, para 15,93 bilhões de dólares. Analistas esperavam, em média, 18,01 bilhões de dólares em receita.

O resultado incluiu uma queda de 1,33 bilhão de dólares no lucro com operações corporativas e de banco de investimento, que ficou em 100 milhões de dólares.

O banco registrou uma baixa contábil de 247 milhões de dólares com empréstimos alavancados e outros compromissos financeiros e sofreu perdas de 607 milhões de dólares em operações com corretagem.

O banco também teve perdas de 527 milhões de dólares relacionadas a produtos estruturados, incluindo ativos e hipotecas residenciais lastreadas em títulos e obrigações colaterais de dívida.

O banco informou ainda que fez provisões de 2,03 bilhões de dólares para perdas com crédito, mais de 73 por cento maiores do que o 1,17 bilhão de dólares de um ano antes, afetado por crescentes perdas com consumidores e pequenas empresas.   Continuação...