Morgan Stanley tenta encontrar comprador diante de turbulência

quinta-feira, 18 de setembro de 2008 09:40 BRT
 

Por Tony Munroe e Steve Slater

HONG KONG/LONDRES, 18 de setembro (Reuters) - O Morgan Stanley encabeça a lista de grandes instituições financeiras em busca de um comprador, enquanto bancos centrais despejam 180 bilhões de dólares em liquidez extra para acalmar os nervosos mercados financeiros e abertos.

O Morgan Stanley (MS.N: Cotações) está negociando um acordo com o banco regional norte-americano Wachovia WB.N, de acordo com fonte familiar com o assunto, enquanto a CNBC informou que o HSBC (HSBA.L: Cotações)(0005.HK: Cotações) e o CITIC Group da China também tinham interese no segundo maior banco de investimentos de Wall Street.

Além disso, o New York Times publicou que o presidente do Morgan Stanley telefonou para o colega no Citigroup (C.N: Cotações) para tentar discutir uma fusão, mas a tentativa foi rejeitada pelo presidente do Citi.

As ações do Morgan Stanley estavam em queda 9 por cento nas negociações antes da abertura da bolsa de valores de Nova York.

O banco britânico Lloyds TSB (LLOY.L: Cotações) se aproveitou da vantagem do tumulto do mercado para conquistar uma ambição antiga. A instituição comprou o maior banco hipotecário da Inglaterra, o HBOS HBOS.L. O negócio em ações foi avaliado em 22 bilhões de dólares e motivou disparada nos papéis do HBOS.

As ações do HBOS subiram 49 por cento, enquanto o governo britânico prometeu modificar leis de competição para possibilitar o desenrolar do negócio.

Enquanto o Morgan Stanley busca uma linha de ajuda, o Investment Corp (GIC) do governo de Cingapua informou que irá considerar todas as possibilidades, como assumir uma participação se for abordado.

Um porta-voz do Morgan Stanley em Hong Kong se recusou a comentar o assunto. Uma representante do HSBC, que esta semana tornou-se o maior banco do mundo em valor de mercado, também não quis discutir a questão, apesar de uma fonte ter dito à Reuters que o banco não estava interessado.

Um executivo-sênior do grupo chinês CITIC Securities (600030.SS: Cotações) disse que a instituição não estava em negociações sobre investimento no Morgan Stanley. Nenhum representante do CITIC pode ser encontrado para comentar o assunto.

Com o cenário do mercado financeiro caminhando para a transformação mais dramática desde a Grande Depressão, o banco de popupança norte-americano Washington Mutual (WM.N: Cotações) também era visto como alvo de aquisição.