Maior fabricante de monitores do mundo tem forte queda de venda

sexta-feira, 18 de abril de 2008 11:25 BRT
 

Por Vinicy Chan

HONG KONG (Reuters) - A TPV Technology, maior fabricante de monitores para computadores do mundo, divulgou nesta sexta-feira uma grande queda nas vendas de TVs com telas de cristal líquido (LCD) no primeiro trimestre, mas manteve meta de crescimento de receita de 20 por cento este ano, para 10 bilhões de dólares.

Shane Tyau, vice-presidente de finanças, disse à Reuters que a TPV registrou uma queda de 30 a 40 por cento nas vendas de TVs LCD nos primeiros três meses ante o trimestre anterior.

O executivo culpou fatores sazonais e ressaltou que a demanda continua forte este ano já que fabricantes de monitores e TVs LCD de marca estão fazendo encomendas a empresas de terceirização como a TPV para lideram melhor com um ambiente de competição e aperto de margens.

"Os preços no Japão, Coréia e outros mercados continuam caindo por causa da intensa competição, então muitos fabricantes estão começando a terceirizar sua produção de aparelhos de média e baixa sofisticação", disse Tyau. "Isso pode se traduzir em enorme crescimento para nossos negócios ODM (fabricação baseada em design original)."

A TPV espera conquistar 30 por cento do mercado global de monitores para PCs e 15 por cento do mercado mundial de TVs LCD nos próximos cinco anos, com base em grande parte às telas que produz para outras empresas como a LG Electronics e Philips .

A companhia estima que possui atualmente cinco por cento do mercado explosivo de TVs LCD, sustentando a quinta colocação.

A sul-coreana Samsung Electronics, controla quase 17 por cento desse mercado, enquanto a Sony tem 11,5 por cento e a LG Electronics 7,8 por cento.

Analistas esperam que o mercado acabe topando com um excesso de oferta no final do ano, mas muitos afirmam que a escala do excesso de produção deve ser pequena diante da velocidade do crescimento da demanda por TVs com tela fina.   Continuação...