PANORAMA1-Mercados põem holofote sobre resultados do Citi

sexta-feira, 18 de julho de 2008 08:01 BRT
 

SÃO PAULO, 18 de julho (Reuters) - A semana agitada nos mercados financeiros mundiais poderia terminar em clima mais ameno, diante da fraca agenda de indicadores, mas resultados divulgados após o fechamento de quinta-feira vão pesar sobre os negócios.

O Merrill Lynch MER.N, terceiro maior banco de investimento dos Estados Unidos, teve prejuízo trimestral de 4,9 bilhões de dólares e anunciou a venda de cerca de 8 bilhões de dólares em ativos para levantar capital.

O Google (GOOG.O: Cotações) também decepcionou as expectativas de Wall Street, sugerindo que a companhia pode estar sofrendo o impacto da desaceleração norte-americana. A Microsoft (MSFT.O: Cotações) anunciou aumento do lucro, mas previsões abaixo das expectativas do mercado para o atual trimestre.

O resultado do Citigroup (C.N: Cotações), divulgado antes do início da sessão, também pesará sobre os negócios nesta sexta-feira.

Nos últimos dias, as ações do maior banco dos Estados Unidos caíram ao menor patamar desde sua criação, em 1998, com a fusão do Travelers Group e do Citicorp.

O banco registrou no segundo trimestre do ano um prejuízo líquido total de 2,5 bilhões de dólares, ou 0,54 dólar por ação. No mesmo período do ano passado, o banco teve um lucro líquido de 6,23 bilhões de dólares, ou 1,24 dólar por ação. Para mais detalhes, clique [nN18431594].

No Brasil, mais um indicador de inflação foi conhecido. O IPc-Fipe mostrou na segunda quadrissemana do mês uma desaceleração mais acentuada do que o esperado pelos mercados.

A inflação na capital paulista subiu 0,59 por cento, ante alta de 0,77 por cento na leitura anterior e estimativa de avanço de 0,66 por cento, de acordo com mediana de projeções coletadas pela Reuters. Para ler mais, clique [nN18486277].

Para a agenda do dia, clique [nN18429392]   Continuação...