Economia global não é afetada por alta do petróleo, diz FMI

quinta-feira, 18 de outubro de 2007 14:39 BRST
 

WASHINGTON, 18 de outubro (Reuters) - Os preços mais altos do petróleo nos mercados internacionais não afetaram a atividade econômica global até o momento, mas existe um risco crescente, disse o chefe do Fundo Monetário Internacional (FMI), nesta quinta-feira.

De acordo com o diretor-gerente do Fundo, Rodrigo de Rato, o avanço dos preços do petróleo CLc1, que registraram nesta semana novo recorde acima de 89 dólares o barril, foi puxado principalmente pela forte demanda.

"Até agora nós tivemos um impacto limitado na atividade econômica. Mas é certo que o risco está crescendo", disse Rato durante entrevista coletiva.

O FMI e o Banco Mundial realizam neste fim de semana a reunião anual de outono.