Petróleo nos EUA fecha em queda pelo 4o dia consecutivo

sexta-feira, 18 de julho de 2008 17:26 BRT
 

NOVA YORK, 18 de julho (Reuters) - Os preços do petróleo nos Estados Unidos fecharam em queda pela quarta sessão consecutiva nesta sexta-feira, com as contínuas preocupações com uma demanda mais fraca, que acabaram mais do que compensando os temores com tempestades que poderiam afetar a produção.

O mercado segue atento ainda ao encontro no final de semana entre o Irã e potências mundiais.

Na Nymex, o contrato agosto CLQ8 fechou em queda de 0,41 dólar, ou 0,32 por cento, a 128,88 dólares por barril, após ter sido negociado entre 128,12 e 132,04 dólares.

Os preços se mantiveram em alta na maior parte do dia, mas no final da sessão um surto de vendas antes do vencimento do contrato agosto (na terça-feira) derrubou a commodity.

Em quatro dias, os preços já caíram 16,30 dólares, ou 11,23 por cento frente ao fechamento de segunda-feira de 145,18 dólares.

Em relação ao recorde de intradia atingido na última sexta-feira, a 147,27 dólares, o mercado recuou 19,04 dólares, ou 12,93 por cento.

"Eu acho que nós ainda estamos em uma tendência de queda que nós começamos esta semana --nada conseguiu inverter isto", disse Tom Bentz, analista do BNP Paribas Commodity Futures.

Outros analistas afirmaram que a queda dos principais metais --ouro, prata e cobre-- parecem ter puxado o mercado de petróleo.

Em Londres, o contrato setembro do petróleo tipo Brent LCOU8 caiu 0,88 dólar, ou 0,67 por cento, a 130,19 dólares por barril, sendo negociado entre 129,92 e 133,69 dólares.

(Reportagem de Gene Ramos)