Lula diz que Quarta Frota dos EUA está quase em cima do pré-sal

quinta-feira, 18 de setembro de 2008 17:25 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - Ao abordar a necessidade de reforçar a Marinha para defender o petróleo do pré-sal, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva advertiu que a Quarta Frota naval dos Estados Unidos está de olho nas grandes reservas descobertas na costa brasileira.

"A Marinha joga um papel importante para proteger o nosso pré-sal, porque os homens já estão aí com a Quarta Frota quase em cima do pré-sal", disse Lula em discurso na cerimônia de batismo da plataforma P-53, nesta quinta-feira em Rio Grande (RS). A íntegra do discurso foi distribuída pela secretaria de imprensa do Planalto.

Desativada há mais de 50 anos, a Quarta Frota dos EUA foi restabelecida em junho deste ano com o propósito anunciado de combater o tráfico de drogas, auxiliar em desastres naturais e atuar em missões de paz na América Latina e no Caribe.

Mas seu retorno foi recebido com ceticismo no Brasil e na América Latina, onde a presença militar norte-americana é vista por muitos como ameaça à soberania da região.

"A nossa Marinha tem que ser a guardiã das nossas plataformas em alto-mar para fiscalizar esse patrimônio, porque daqui a pouco chega um espertinho aí e fala: Isso é meu, está no fundo do mar mesmo, ninguém sabe, isso é meu", acrescentou Lula.

A descoberta da camada pré-sal pela Petrobras, em novembro, reforçou a necessidade de o Brasil melhorar a defesa de sua costa. O ministério da Defesa negocia com a França a construção de um submarino nuclear, e na semana passada as Forças Armadas iniciaram a chamada Operação Atlântico para mostrar a capacidade que o país tem de proteger a região onde estão os megacampos do pré-sal.

"E agora que tem uma sonda que fura verticalmente, depois vai na horizontal 5, 6 quilômetros, nego, lá do país dele, vai tentar pegar o nosso petróleo aqui. Nós temos que tomar conta", reforçou Lula.

(Texto de Mair Pena Neto)