Rebeldes colombianos das Farc vão libertar 3 reféns, diz agência

terça-feira, 18 de dezembro de 2007 16:51 BRST
 

HAVANA (Reuters) - As Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) anunciaram que irão libertar três reféns para o presidente venezuelano, Hugo Chávez, informou um comunicado obtido pela agência de notícias cubana Prensa Latina nesta terça-feira.

A guerrilha disse ter ordenado a libertação de Clara Rojas, do filho dela, Emmanuel, e de Consuelo González, que serão entregues a Chávez ou pela pessoa que ele indicar, informou a Prensa Latina.

O anúncio vem em um momento em que o presidente colombiano, Alvaro Uribe, enfrenta pressões para chegar a um acordo com as Farc para a libertação de 47 reféns mantidos pela guerrilha, entre eles a política franco-colombiana Ingrid Betancourt e três cidadãos norte-americanos.

Chávez e a senadora esquerdista colombiana Piedad Córdoba foram convidados neste ano para tentar garantir o acordo sobre os reféns, mas Uribe decidiu encerrar a intermediação por temores de que o presidente venezuelano tenha quebrado o protocolo e procurado favorecer as Farc.

(Por Anthony Boadle)

 
<p>Mulher colombiana comparece a protesto contra sequestros realizados pelas Farc, na Col&ocirc;mbia. As For&ccedil;as Armadas Revolucion&aacute;rias da Col&ocirc;mbia (Farc) anunciaram que ir&atilde;o libertar tr&ecirc;s ref&eacute;ns para o presidente venezuelano, Hugo Ch&aacute;vez, informou um comunicado obtido pela ag&ecirc;ncia de not&iacute;cias cubana Prensa Latina nesta ter&ccedil;a-feira. Photo by Daniel Munoz</p>