CEOs e Wall Street alertam sobre recessão nos Estados Unidos

sexta-feira, 19 de outubro de 2007 17:34 BRST
 

Por Bill Rigby

NOVA YORK (Reuters) - Presidentes-executivos de empresas (CEOs, na sigla em inglês) e investidores de Wall Street alertaram nesta sexta-feira sobre o perigo de uma recessão e de aumentos de custos nos Estados Unidos.

A economia norte-americana estará "perto ou mesmo em recessão" no próximo ano, opinou a Caterpillhar em seu demonstrativo de resultado trimestral.

"Nós colocamos (uma chance) de recessão em 50 por cento", disse à Reuters o vice-presidente financeiro da companhia, Dave Burritt.

A Caterpillar divulgou lucro abaixo das previsões de analistas e cortou a sua estimativa para o ano, apesar de vendas externas terem compensado a fraqueza nos EUA.

O conglomerado industrial 3M --que fabrica de fitas Scotch a filmes óticos-- também tem uma visão pessimista.

"Eu não sei se há algum de nós que teria muito otimismo sobre o futuro imediato do setor imobiliário (dos EUA)", disse o presidente-executivo da 3M, George Buckley, em uma conferência com analistas.

Nesta sexta-feira, a 3M anunciou lucro trimestral acima do esperado, também ajudado por vendas externas, mas as ações da companhia caíram.

A fabricante de motocicletas Harley-Davidson registrou queda no lucro por problemas nas vendas nos EUA.   Continuação...