19 de Junho de 2008 / às 12:03 / 9 anos atrás

BOLSA EUROPA-Bancos pesam após HBOS e mercado opera estável

Por Atul Prakash

LONDRES, 19 de junho (Reuters) - As principais bolsas européias operavam perto da estabilidade na manhã desta quinta-feira, com uma perspectiva financeira incerta pesando no setor bancário depois que a HBOS HBOS.L alertou para uma baixa contábil de 1 bilhão de libras (1,96 bilhão de dólares) no primeiro trimestre.

Às 9h02 (horáriode Brasília) o índice FTSEurofirst 300 .FTEU3, que acompanha as principais bolsas européias, tinha apenas ligeira alta de 0,09 por cento, a 1.252 pontos.

O índice chegou a cair mas se recuperou depois que dados divulgados mostraram que as vendas no varejo britânico cresceram em ritmo recorde em maio.

Os bancos tinham o pior desempenho, com o HBOS cedendo 5,4 por cento e o Royal Bank of Scotland (RBS.L) recuando quase 2 por cento. O UBS UBSN.VX tinha queda de 2,5 por cento, o Banco Santander (SAN.MC) apresentava desvalorização de 0,8 por cento e o Deutsche Bank (DBKGn.DE) apresentava baixa de 1,8 por cento.

"Eles agora parecem estar continuamente apresentando mais notícias ruins.. o mercado não irá ignorar isso", afirmou Justin Urquhart Stewart, diretor na Seven Investment Management.

Na parte de fusões e aquisições, o maior financiador da Espanha, o Santander (SAN.MC), está considerando uma oferta pelo Dresdner Bank, do grupo Allianz (ALVG.DE), segundo disseram à Reuters três fontes próximas à questão.

O Deutsche Bank (DBKGn.DE) também está conduzindo um exame detalhado das operações do Dresdner com o intuito de fazer uma oferta para comprá-lo, segundo fontes familiares com a situação.

O HBOS, maior financiador imobiliário britânico, alertou que maiores baixas contábeis irão afetar seu desempenho no priemro trimestre.

Preocupações sobre as perspectivas do mercado britânico e a exposição da HBOS ao problemas no mercado de crédito fizeram as ações da companhia perderem quase 60 por cento este ano.

Petrolíferas figuravam entre os melhores desempenhos, acompanhando a alta no preço do petróleo CLc1, que ficava acima dos 136 dólares o barril. A Total (TOTF.PA) subia 2,6 por cento, a Royal Dutch Shell (RDSa.L) avançava 0,2 por cento e a BP (BP.L) ganhava 1,4 por cento.

As mineradoras seguiam os preços dos metais, que também subia. A BHP Billiton (BLT.L) tinha alta de 1 por cento, a Rio Tinto (RIO.L) avançava 0,9 por cento e a Lonmin (LMI.L) se valorizava 1,3 por cento.

Confira o desempenho das principais bolsas européias às 9h02:

BOLSA PONTUAÇÃO VARIAÇÃO %

Londres .FTSE 5.768 +0,12

Frankfurt .GDAX 6.737 +0,11

Paris .FCHI 4.621 +0,04

Madri .IBEX 12.687 +0,43

Milão .MIBTEL 23.623 +0,09

Lisboa .PSI20 9.942 -1,45

Veja como se comportaram as bolsas asiáticas [nN19317125]

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below