19 de Fevereiro de 2008 / às 12:45 / em 10 anos

BOLSA EUROPA-Mercados avançam apoiados em bancos britânicos

Por Amanda Cooper

LONDRES, 19 de fevereiro (Reuters) - As bolsas de valores da Europa operavam em alta nesta terça-feira, ampliando com ajuda de bancos britânicos valorização registrada na véspera. Mas o movimento era contido pelas ações do Credit Suisse CSGN.VX, que despencavam mais de sete por cento após divulgação de baixa contábil que surpreendeu investidores.

Às 9h34 (horário de Brasília), o índice FTSEurofirst 300 .FTEU3, que engloba as principais ações européias, operava em alta de 0,41 por cento, aos 1.340 pontos. Apesar disso, o indicador acumula queda de cerca de 12 por cento este ano.

Mais cedo, o índice operou em queda pressionado pelo Credit Suisse, mas o movimento foi invertido por alta nas ações do Barclays (BARC.L), que incentivou papéis de bancos britânicos e por ganhos nos futuros de bolsas dos Estados Unidos após a divulgação de alta no lucro do Wal-Mart (WMT.N)

O Barclays revelou mais cedo novas baixas contábeis vinculadas a crédito, mas entregou resultados que ficaram em linha com as expectativas. Além disso, executivos do banco fizeram uma apresentação otimista a analistas.

As ações da instituição operavam em alta de 4 por cento, impulsionando papéis do Royal Bank of Scotland (RBS.L) em 1,5 por cento, enquanto o HSBC (HSBA.L) subia 1,8 por cento. O índice DJ Stoxx do setor bancário .SX7P subia 0,18 por cento.

O Credit Suisse reduziu o valor de seus investimentos apoiados em ativos em 2,85 bilhões de dólares, eliminando 1 bilhão de dólares de seu lucro líquido. Apesar disso, a instituição informou que ainda espera se manter lucrativa no primeito trimestre de 2008, mesmo com o encargo.

É a baixa contábil mais recente numa sucessão de más notícias nos bancos globais e seguiu-se aos anúncios de novas e grandes exposições relacionadas às hipotecas de alto risco (subprime) por parte do UBS e um escândalo no mês passado no Société Générale (SOGN.PA).

Em outro setor, as mineradoras exibiam valorização após anúncios na véspera de reajuste de até 71 por cento nos preços do minério de ferro pela Vale (VALE5.SA) junto a clientes asiáticos. A Anglo American (AAL.L) subia 2,45 por cento, a Rio Tinto (RIO.L) tinha alta de 1,64 por cento e a BHP Billiton (BLT.L) avançava 1,9 por cento.

Confira o desempenho das principais bolsas européias às 9h34:

BOLSA PONTUAÇÃO VARIAÇÃO %

Londres .FTSE 5.987 +0,69

Frankfurt .GDAX 7.015 +0,68

Paris .FCHI 4.883 +0,44

Madri .IBEX 13.234 -0,59

Milão .MIBTEL 25.916 +0,16

Lisboa .PSI20 11.307 -0,05

Veja como se comportaram as bolsas asiáticas [nN19233489].

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below