Ânimo de construtores se mantém em patamar baixo recorde nos EUA

segunda-feira, 19 de novembro de 2007 18:25 BRST
 

NOVA YORK, 19 de novembro (Reuters) - O sentimento dos construtores de imóveis nos Estado Unidos permaneceu em um patamar baixo recorde em novembro, informou um grupo da indústria nesta segunda-feira. Compradores potenciais que cancelaram seus pedidos ou que enfrentaram maiores dificuldades para conseguir financiamentos mantiveram altos os estoques de moradias não vendidas.

A Associação Nacional de Construtores de Imóveis (NAHB, na sigla em inglês) afirmou que resultado preliminar do índice do setor imobiliário se manteve neste mês em 19, a leitura mais baixa da série histórica, iniciada em janeiro de 1985.

O índice de outubro foi revisado para cima, de 18 para 19, informou a associação. A espectativa, segundo pesquisa da Reuters com economistas, era de que o índice de novembro caísse para 17.

Resultados abaixo de 50 significam que os construtores estão vendo o mercado em condições piores.

"Em conformidade com o que os construtores disseram na pesquisa do mês pasado, muitos estão relatando que seus incentivos especiais para vendas estão tendo um sucesso limitado", disse em um comunicado Brian Catalde, presidente da NAHB, um construtor de imóveis em El Segundo, Califórnia.

As vendas de imóveis existentes caíram em setembro atingindo o menor nível desde 1999, afetadas pelas execuções de hipotécas e o endurecimento nas práticas de empréstimos, segundo os dados mais recentes da Associação Nacional dos Corretores de Imóveis.