BOVESPA-Índice dispara 9,28%, na maior alta em quase uma década

sexta-feira, 19 de setembro de 2008 17:05 BRT
 

SÃO PAULO, 19 de setembro (Reuters) - A Bolsa de Valores de São Paulo acompanhou a euforia de Wall Street com o anúncio de um plano do governo dos Estados Unidos para estancar a crise financeira e fechou a sexta-feira com a maior alta diária em quase uma década.

De acordo com dados preliminares, o Ibovespa .BVSP subiu 9,28 por cento, para 52.914 pontos. O avanço foi menor apenas que os 33 por cento de valorização registrados em 15 de janeiro de 1999, na época da maxidesvalorização do real.

O movimento foi puxado pelas ações de empresas financeiras, a reboque da tendência internacional, e de commodities, que têm o maior peso no índice.

BM&F Bovespa BVMF3.SA sintetizou o ânimo do investidor, com uma disparada de 15,7 por cento, a 9,08 reais. Dentre as empresas ligadas a matérias-primas, Usiminas (USIM5.SA: Cotações) puxou a fila, saltando 18 por cento, para 47,00 reais.

O índice Dow Jones .DJI teve valorização de 3,5 por cento.

Pela manhã, o secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Henry Paulson, anunciou um plano para tentar contornar a crise criada com o colapso no mercado de crédito hipotecário no país.

(Reportagem de Aluísio Alves; Edição de Daniela Machado)