EXCLUSIVO-Venda do Postbank está perto de fracassar--fontes

terça-feira, 19 de agosto de 2008 10:28 BRT
 

FRANKFURT, 19 de agosto (Reuters) - As conversas entre o Deutsche Post (DPWGn.DE: Cotações) e potenciais compradores da parte majoritária do maior financiador de varejo alemão, o Deutsche Postbank DPBGn.DE, sofreram uma paralisação diante da falta de um comprador efetivo, afirmaram diversas fontes à Reuters.

"Não há nada acontecendo no momento", apontou nesta terça-feira uma fonte com conhecimento direto da situação.

Uma outra fonte afirmou que o Deutsche Bank (DBKGn.DE: Cotações), último comprador potencial envolvido nas negociações, não tem mais interesse no negócio.

"Não há mais conversas com o Deutsche Bank. As expectativas de preço são muito discrepantes", apontou a fonte, acrescentando que o preço pode cair dramaticamente para que o Deutsche volte à mesa de negociações.

"O processo ruiu, mas ainda não está morto", afirmou outra pessoa próxima às negociações.

A Reuters já havia reportado que o banco britânico Lloyds TSB (LLOY.L: Cotações) também estava se retirando das negociações pelo Postbank, que possui capitalização de mercado de 7 bilhões de euros (10,28 bilhões de dólares), contra mais de 10 bilhões de euros há apenas dois meses.

O Deutsche Bank e o Lloyds preferiram não comentar o assunto, enquanto o Deutsche Post afirmou que o futuro do Postbank, que tem cerca de 15 milhões de clientes, ainda será decidido.

"Estamos num processo cujo resultado está em aberto e não estamos pressionados pelo tempo", afirmou uma porta-voz do Deutsche Post.

(Reportagem de Philipp Halstrick, Matthias Inverardi e Patricia Uhlig)