DRU é aprovada no Senado com mais votos do que no primeiro turno

quarta-feira, 19 de dezembro de 2007 19:55 BRST
 

BRASÍLIA (Reuters) - Com apoio da oposição, o Senado aprovou em segundo turno a proposta da DRU nesta quarta-feira. Foram 65 votos favoráveis, 6 contrários e nenhuma abstenção.

Tucanos e democratas liberaram suas bancadas para votar como quisessem depois que o governo anunciou que não haverá medidas imediatas, como a criação de novos tributos, para suprir os 40 bilhões de reais perdidos para o ano que vem com a rejeição da CPMF, derrubada na semana passada.

Para a aprovação, eram necessários 49 votos. No primeiro turno, a proposta da Desvinculação de Receitas da União, que permite ao governo utilizar livremente 20 por cento do Orçamento, foi aprovada por 60 senadores enquanto 18 rejeitaram.

(Texto de Carmen Munari; Edição de Mair Pena Neto)