20 de Maio de 2008 / às 12:14 / 9 anos atrás

BOLSA EUROPA-Mineradoras e bancos derrubam índices

Por Sitaraman Shankar

LONDRES, 20 de maio (Reuters) - As principais bolsas européias operavam em queda na manha desta terça-feira, interrompendo série de quatro altas seguidas. Os negócios eram afetados por queda em ações de mineradoras e de bancos, além de recuo na confiança do investidor alemão. As baixas eram contidas por alta nos papéis do setor farmacêutico.

Às 9h06 (horário de Brasília), o índice FTSEurofirst 300 .FTEU3 tinha forte queda de 1,14 por cento, aos 1.362 pontos. O índice teve valorização de 2,5 por cento nas últimas quatro sessões, ajudado por ações de commodities.

Em maio, o FTSEurofirst 300 acumula alta de 3 por cento, mas ainda registra perdas de 8,5 por cento este ano.

"Existe um pouco de realização de lucros, o mercado superou níveis de resistência nas últimas semanas, como faca na manteiga", disse Mike Lenhoff, estrategista-chefe na Brewin Dolphin.

"Fiquei impressionado em como os mercados passaram os últimos dois meses, os riscos estão na pressão dos preços das commodities e nas perspectivas de reduções classificações no setor não-financeiro", acrescentou.

Depois de bons números de crescimento da econômia alemã na semana passada, investidores voltaram à realidade pelo índice de confiança do investidor ZEW, que piorou pelo segundo mês consecutivo em maio.

"Os investidores alemães ficaram mais pessimistas com a possibilidade do euro forte e da alta nos preços do petróleo e alimentos minarem a economia alemã", disse o economista Carsten Brzeski, do ING, em nota.

As mineradoras tinham queda, com a Rio Tinto (RIO.L) despencando 5,2 por cento, a BHP Billiton (BLT.L) afundava 6,3 por cento e a Xstrata XTA.L tinha queda de 4,7 por cento.

Ingo Frommen, chefe de ações internacionais no banco alemão LBBW, afirmou que os investidores embolsam os lucros após as recentes altas no setor.

As ações de bancos também operavam no vermelho. O Credit Agricole (CAGR.PA) tinha baixa e 0,9 por cento, o UBS UBSN.VX recuava 0,4 por cento e o Commerzbank (CBKG.DE) se desvalorizava em 1,7 por cento.

Na contramão, o setor farmacêutico avançava, com a AstraZeneca (AZN.L) subindo 1 por cento.

As ações da empresa se valorizavam depois de notícia de que uma audiência nos Estados Unidos envolvendo patentes de seu medicamento para esquizofrenia Seroquel foi adiantada de 4 de junho para terça-feira, elevando as expectativas de que o grupo anglo-suíço possa vencer o caso.

Confira o desempenho das principais bolsas européias às 9h06:

BOLSA PONTUAÇÃO VARIAÇÃO %

Londres .FTSE 6.289 -1,37

Frankfurt .GDAX 7.164 -0,85

Paris .FCHI 5.083 -1,15

Madri .IBEX 14.033 -1,51

Milão .MIBTEL 25.597 -1,23

Lisboa .PSI20 10.940 -0,84

Veja como se comportaram as bolsas asiáticas [nN20281261]

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below