BOLSA EUROPA-Credit Suisse e mineradoras pesam sobre mercados

quinta-feira, 20 de março de 2008 08:41 BRT
 

Por Eva Kuehnen

FRANKFURT, 20 de março (Reuters) - As bolsas de valores da Europa operavam em queda nesta quinta-feira, depois que o alerta de lucro do Credit Suisse manteve os mercados de crédito no centro das atenções, enquanto as ações de mineradoras recuavam com a baixa nos preços de commodities.

As ações do Credit Suisse caíam quase 10 por cento e eram o peso negativo com maior influência no índice europeu de ações FTSEurofirst 300 .FTEU3, que perdia 0,52 por cento às 8h40 (horário de Brasília). O banco alertou que provavelmente não será lucrativo no primeiro trimestre por causa de grandes baixas contábeis.

Na quarta-feira, o índice caiu 0,9 por cento, pressionado por ações dos setores de tecnologia e telecomunicações.

"O mercado ainda está movido pela incerteza", disse Britta Paech, gerente de portfolio do M.M. Warburg. "Continuamos a batalhar com a crise financeira e vai ficar assim por um tempo", acrescentou ela.

O setor de bancos era na quinta-feira o que mais pesava na Europa. O índice europeu de ações de instituições financeiras caía 1,08 por cento. Enquanto isso, as ações do UBS UBSN.VX perdiam 4,32 por cento, do Société Générale (SOGN.PA: Cotações) recuavam 2,42 por cento e Deutsche Bank (DBKGn.DE: Cotações) se desevalorizava em 2,36 por cento.

Com vencimento de futuros e opções dominando até metade do pregão, os investidores se focarão em dados importantes dos Estados Unidos, tentando encontrar sinais de que a crise financeira se espalhou para a economia real.

Dados de pedidos de auxílio-desemprego, que devem ser divulgados às 9h30 (horário de Brasília), principais indicadores e índice de atividade do Fed da Filadélfia, ambos as 11h, devem encerrar a semana antes do feriado da Páscoa.

  Continuação...