CÂMBIO-Com pouco volume, dólar sobe e espera dados nos EUA

quinta-feira, 20 de dezembro de 2007 10:31 BRST
 

SÃO PAULO, 20 de dezembro (Reuters) - O dólar operava em leve alta na manhã desta quinta-feira, à espera de dados nos Estados Unidos em uma sessão bastante enfraquecida pela proximidade do Natal.

Às 10h31, a moeda norte-americana BRBY subia 0,22 por cento, para 1,806 real. Na véspera, o dólar interrompeu uma série de cinco altas consecutivas e fechou com baixa de 0,66 por cento em meio à entrada de recursos no país.

"O mercado já começa a perder liquidez (com a chegada das festas de fim de ano)", disse Gustavo Cunha, operador de derivativos do Rabobank. "(Mas) tem o PIB americano, que é a única coisa que pode movimentar um pouco."

Os números definitivos sobre o crescimento dos EUA no terceiro trimestre serão divulgados às 11h30 (horário de Brasília). Outros dados também serão publicados, como os referentes aos pedidos de auxílio-desemprego.

Na agenda de resultados corporativos, o banco de investimento Bear Stearns BSC.N deve informar prejuízo no último trimestre, de acordo com a expectativa do mercado. Os números são aguardados porque devem ajudar o mercado na avaliação das perdas provocadas pela crise global de crédito.

O operador de derivativos do Rabobank acrescentou que o câmbio, pela falta de liquidez, pode ser contaminado pelo mau humor dos juros na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F). As projeções subiam após a alta da inflação medida pelo IPCA-15 (Índice de Preços ao Consumidor Amplo-15) e pela segunda prévia do IGP-M (Índice Geral de Preços do Mercado).

No final do dia, o Banco Central realiza uma pesquisa de demanda para avaliar as condições de um possível leilão de swap cambial reverso na sexta-feira, com o objetivo de rolar 1,47 bilhão de dólares em contratos com vencimento em 2 de janeiro. O resultado da pesquisa, com as condições do possível leilão, será divulgado a partir das 18h30.

(Reportagem de Silvio Cascione; Edição de Cesar Bianconi)