Lula ataca oposição por usá-lo em campanha eleitoral

sábado, 20 de setembro de 2008 13:46 BRT
 

SÃO PAULO, 20 de setembro (Reuters) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou neste sábado, durante comício da candidata a prefeita de São Paulo, Marta Suplicy (PT), que a oposição é hipócrita e oportunista por utilizar sua imagem.

"De dia me xingam na Câmara e me xingam no Senado. De noite, distribuem santinho do Lula nas cidades onde eles moram. Vocês vejam onde chega a hipocrisia", disse Lula durante discurso no bairro de Vila Nova Cachoeirinha, na zona Norte de São Paulo.

"Eles não têm lado porque são oportunistas e nós temos lado. Temos cara", completou o presidente, cujo governo é avaliado como bom ou ótimo por 64 por cento da população brasileira, segundo última pesquisa do Datafolha, divulgada na semana passada.

Lula fez o discurso acompanhado pelos governadores do Ceará, Cid Gomes (PSB), e do Sergipe, Marcelo Déda (PT), e também pelo presidente da Câmara, Arlindo Chinaglia (PT), e por Marta. O presidente afirmou que os rivais da petista na disputa paulistana copiam suas propostas e "estão brincando com a nossa inteligência" ao tentarem colar suas imagens à do presidente.

"Na campanha presidencial (de 2006) esses mesmos que copiam todas as propostas eram aqueles que iam para a televisão para me achincalhar, me ofender, dizer que o governo não fazia nada", disse Lula.

"Hoje até eles dizem 'Ah, com o Lula tudo bom, mas o PT é que não sei das quantas'", afirmou o presidente ao público referindo-se a uma propaganda do candidato tucano Geraldo Alckmin, que disputa com o atual prefeito Gilberto Kassab, uma vaga no provável segundo turno contra a petista.

(Reportagem de Maurício Savarese; Edição de Alberto Alerigi Jr.)