BOLSA EUROPA-Mercados sobem com commodities e setor financeiro

segunda-feira, 20 de outubro de 2008 08:34 BRST
 

Por Atul Prakash

LONDRES, 20 de outubro (Reuters) - O principal índice de ações européias operava em alta nesta segunda-feira, influenciado por papéis ligados ao setor de commodities que tinham impulso com preços mais altos do petróleo e de metais. Investidores também se voltam para ações da área financeira, na expectativa de que a crise do setor bancário irá se abrandar.

Às 8h24 (horário de Brasília), o índice FTSEurofirst 300 .FTEU3 que reúne as principais ações européias registrava alta de 2,06 por cento, para 913 pontos. A alta do indicador na sexta-feira foi de 4,2 por cento na sexta-feira, mas o índice ainda acumula perda de 39 por cento este ano, afetado por temores de que a crise de crédito possa desencadear uma recessão global.

A ações de energia puxavam a alta do índice com o petróleo CLc1 subindo 3 por cento diante de expectativas de que a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) poderá cortar produção após reunião de emergência que acontece esta semana. O objetivo seria aumentar preços que caíram mais de 50 por cento em três meses.

As ações da BP (BP.L: Cotações), da Royal Dutch Shell (RDSa.AS: Cotações), da produtora de gás BG Group BG.L e da Tullow Oil (TLW.L: Cotações) registravam ganhos entre 3 e 7 por cento.

Mas a atenção permanece sobre o setor financeiro. O presidente do Banco Central Europeu (BCE), Jean-Claude Trichet, prometeu fazer o que for necessário para restaurar a confiança no setor. Ele disse a uma emissora de rádio francesa no domingo que o BCE está trabalhando próximo ao Federal Reserve dos Estados Unidos para resolver a crise financeira.

"Há sinais de que a Libor vai afrouxar um pouco, particularmente em dólares norte-americanos. Nós esperamos ver uma forte queda na taxa Libor do dólar norte-americana hoje, o que está ajudando as ações do setor bancário", disse David Buik, da BGC Partners, em relação à taxa interbancária em Londres.

As ações de diversas empresas do setor financeiro registravam alta. As ações do ING ING.AS saltavam 21 por cento depois que o banco tornou-se a mais recente instituição européia a receber fundos governamentais. O banco concordou com um injeção de 10 bilhões de euros (13,5 bilhões de dólares) por parte do governo holandês, ao mesmo tempo que elimina bônus de executivos e dividendos de fim de ano.

As ações do Fortis FOR.BR registravam alta de 18,64 por cento, o Lloyds TSB (LLOY.L: Cotações) se valoriza em 2,8 por cento, o Royal Bank of Scotland (RBS.L: Cotações) subia 4,4 por cento, enquanto Barclays (BARC.L: Cotações) tinha ganho de 4,2 por cento.   Continuação...