Argentina pode estatizar fundos de pensão--fonte

segunda-feira, 20 de outubro de 2008 18:17 BRST
 

BUENOS AIRES, 20 de outubro (Reuters) - O governo da Argentina irá propor ao Congresso a estatização de aproximadamente 28,700 bilhões de dólares depositados em fundos de pensão privados, afirmou nesta segunda-feira uma fonte do mercado previdenciário.

A idéia seria que o Estado passe a administrar os ativos atualmente nas chamadas AFJP, de modo que os trabalhadores não seguiriam perdendo dinheiro devido às turbulências nos mercados.

As AFJP investem seus recursos em ativos financeiros, diferente de um sistema previdenciário que permanece nas mãos do Estado argentino.

(Reportagem de Jorge Otaola)