CÂMBIO-Tímido, dólar opera em baixa e aguarda dados nos EUA

sexta-feira, 21 de dezembro de 2007 10:33 BRST
 

SÃO PAULO, 21 de dezembro (Reuters) - O dólar acompanhava a calmaria nos mercados internacionais antes da divulgação de dados nos Estados Unidos e recuava nesta sexta-feira, em mais uma sessão enfraquecida pela proximidade do Natal.

Às 10h30, a moeda norte-americana BRBY caía 0,39 por cento, a 1,799 real. Na véspera, com o mercado externo mais volátil, a divisa fechou em alta de 0,22 por cento.

O mercado de câmbio abriu tímido, mas refletindo o bom humor externo antes de dados sobre inflação e renda pessoal nos Estados Unidos. O risco Brasil caía 7 pontos-básicos, e os futuros em Wall Street indicavam alta.

"O dólar abriu com um 'gap' de baixa, mas já está subindo (reduzindo a queda) um pouco. Acho que não tem entrada hoje e o dólar não tem muito mais para cair", disse Renato Schoemberger, operador da Alpes Corretora.

Segundo ele, os agentes do mercado estão atentos ao desempenho dos juros futuros, que continuam pressionados pelo repique da inflação doméstica. Caso os contratos mais negociados reforcem a alta, disse o operador, o mau humor pode respingar sobre o dólar.

Em relatório, uma corretora de câmbio afirmou que o mercado espera a chegada de dólares envolvidos no leilão de licenças de telefonia móvel de terceira geração (3G), encerrado na véspera e com arrecadação de cerca de 5,3 bilhões de reais para o governo.

A corretora Ativa, no entanto, ponderou que o calendário de pagamento das licenças exige desembolso de apenas 10 por cento do valor no ato da compra. Depois as empresas têm três anos de carência e pagam o restante em seis parcelas anuais.

(Reportagem de Silvio Cascione; Edição de Daniela Machado)