PANORAMA2-Dólar ignora cena externa e cai a menor nível desde 99

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008 18:28 BRT
 

Por Daniela Machado

SÃO PAULO, 21 de fevereiro (Reuters) - O fraco desempenho em Wall Street não teve influência sobre o mercado de câmbio local nesta quinta-feira, e o dólar caiu para o menor nível desde maio de 1999. Mas a Bovespa não resistiu à pressão externa e fechou praticamente estável, depois de ter subido 1,4 por cento na máxima da sessão.

O motivo para a queda do dólar "é mais doméstico mesmo", sustentou Flávio Serrano, economista-chefe da López León Markets.

Para analistas, os bons fundamentos do país "falaram mais alto" que as incertezas que ainda pairam sobre os Estados Unidos. Além disso, há a expectativa de que o país alcance o grau de investimento ainda este ano.

Em mais um sinal de redução da vulnerabilidade externa, o Banco Central estimou que o país tenha passado a credor externo líquido em janeiro --quando os ativos no exterior devem ter superado os passivos em 4 bilhões de dólares.

O relatório completo sobre as contas externas do país em janeiro será divulgado na próxima semana.

No mercado internacional, o petróleo deu sinais de alívio e caiu quase 1,50 dólar em Nova York um dia após alcançar recorde acima de 101 dólares por barril. As principais bolsas de valores norte-americanas sofreram com mais um dado fraco sobre o setor manufatureiro.

Veja como encerraram os principais ativos nesta quinta-feira:   Continuação...