Petróleo e previsões de resultados derrubam bolsas dos EUA

terça-feira, 22 de abril de 2008 18:02 BRT
 

Por Caroline Valetkevitch

NOVA YORK (Reuters) - As bolsas norte-americanas afundaram nesta terça-feira já que os preços do petróleo se aproximaram de 120 dólares por barril e alimentaram preocupações com inflação e gastos do consumidor.

Uma série de previsões pessimistas de resultados corporativos piorou ainda mais o clima.

O índice Dow Jones teve baixa de 0,82 por cento, a 12.720 pontos. O Standard & Poor's 500 caiu 0,88 por cento, a 1.375 pontos. O Nasdaq retrocedeu 1,29 por cento, a 2.376 pontos.

As ações de companhias aéreas foram particularmente atingidas, com o índice do setor caindo 12,4 por cento, nível recorde de baixa, com os preços do petróleo elevando os custos dos combustíveis de aviões para um recorde de alta.

A Texas Instrument aumentou os temores com a perspectiva econômica alertando sobre uma fraca demanda por telefones celulares.

Resultados inconsistentes durante a temporada de divulgação manteve os temores com a economia. Enquanto as multinacionais com fortes vendas no exterior se saíram bem, empresas focadas no mercado doméstico mostraram problemas.

O petróleo "não fez nada além de subir, e obviamente, impediu qualquer tipo de recuperação econômica, mas depois de um certo ponto no tempo, os consumidores terão de simplesmente parar de gastar", disse Angel Mata, diretor gerente de ações listadas do Stifel Nicolaus Capital Markets.