Mercado mantém aposta de crescimento mais forte em 2008

segunda-feira, 22 de setembro de 2008 08:33 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O mercado financeiro brasileiro elevou mais uma vez sua estimativa para a taxa de crescimento da economia do país este ano, e reduziu pela oitava semana sua projeção para a inflação em 2008, mostrou pesquisa divulgada nesta segunda-feira.

De acordo com levantamento feito pelo Banco Central com empresas e analistas do país, o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro deve crescer em 2008 a uma taxa de 5,17 por cento, acima dos 5,01 por cento estimados na pesquisa passada.

Ao mesmo tempo, a inflação oficial do país --medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA)-- deve ficar em 6,23 por cento, levemente abaixo dos 6,26 por cento estimados na pesquisa anterior.

Para 2009, entretanto, a projeção de crescimento da economia manteve-se em 3,60 por cento. Para a inflação, a projeção é de uma alta de 4,97 por cento no próximo ano, levemente abaixo dos 4,99 por cento estimados no levantamento passado.

(Por Renato Andrade)