Avaliação do governo Lula dispara e atinge recorde, diz Sensus

segunda-feira, 22 de setembro de 2008 12:01 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - A avaliação positiva do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva em setembro atingiu o recorde de 68,8 por cento ante 57,5 por cento em abril, mostrou nesta segunda-feira pesquisa do instituto Sensus encomendada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT).

O desempenho é o melhor desde 1998, quando o instituto começou a fazer a pesquisa para a CNT. A avaliação negativa do governo caiu de 11,3 por cento em abril para 6,8 por cento neste mês.

O desempenho pessoal do presidente Lula foi aprovado por 77,7 por cento dos entrevistados, frente aos 69,3 por cento na sondagem anterior.

A pesquisa voltou a avaliar a intenção de voto para a sucessão presidencial em 2010, sem Lula, e o governador paulista, José Serra (PSDB), mantém liderança na pesquisa estimulada. Ele aparece na frente em todas as simulações de que participa.

A ministra da Casa-Civil, Dilma Rousseff (PT), nas simulações em que aparece, ocupa o terceiro ou quarto lugares no primeiro turno e é derrotada pelo PSDB no segundo.

A pesquisa CNT/Sensus foi realizada entre os dias 15 e 19 deste mês com 2.000 entrevistados em 136 municípios do país. A margem de erro da pesquisa é de 3 pontos percentuais para cima ou para baixo.

(Reportagem de Natuza Nery)