Juro a 4,25% não é restritivo, diz membro do BC Europeu

terça-feira, 22 de julho de 2008 07:17 BRT
 

MILÃO (Reuters) - A taxa básica de juro do Banco Central Europeu, que atualmente está em 4,25 por cento, "não é exatamente restritiva", considerando que a inflação está em torno de 4 por cento, afirmou Lorenzo Bini Smaghi, integrante do conselho diretor do BC europeu, em entrevista a um jornal italiano nesta terça-feira.

"Com a inflação a 4 por cento e com a possibilidade de permanecer acima de 3 por cento por alguns meses, um juro a 4,25 por cento não se qualifica exatamente como restritivo", afirmou Bini Smaghi ao jornal La Stampa.

A inflação anual na zona do euro atingiu 4 por cento em junho, duas vezes a meta perseguida pelo BCE que é de aproximadamente 2 por cento, mas está um ponto percentual abaixo a taxa dos Estados Unidos.

A inflação ao consumidor nos EUA subiu para 5 por cento em junho, o maior patamar desde 1991.

O BCE elevou a taxa de juro para 4,25 por cento em 3 de julho para tentar trazer de volta a inflação ao patamar desejado.