ATUALIZA-PETROBRAS coloca P-52 em operação na bacia de Campos

sexta-feira, 23 de novembro de 2007 18:26 BRST
 

(Texto com mais informações e declaração do diretor)

Por Denise Luna

RIO DE JANEIRO, 23 de novembro (Reuters) - A plataforma P-52 da Petrobras (PETR4.SA: Cotações) começou a produzir nesta sexta-feira 10 mil barris diários de petróleo no campo de Roncador, na bacia de Campos, após quatro meses de atraso, informou à Reuters o diretor de Exploração e Produção da estatal, Guilherme Estrella.

A produção inicial é de 10 mil barris diários e a capacidade máxima de 180 mil barris diários será atingida em um período de seis a oito meses. A próxima plataforma a entrar em operação, com a mesma capacidade e no mesmo campo, a P-54, está prevista para iniciar produção no dia 7 de dezembro.

"As plataformas estão entrando, estamos numa curva ascendente de produção, tivemos atrasos, mas isso é comum na indústria", explicou Estrella à Reuters.

Ele lembrou que recentemente a plataforma Cidade de Vitória, com capacidade para 100 mil barris diários, também entrou em operação no campo de Golfinho, na bacia do Espírito Santo, depois de alguns meses de atraso, mas que garante o aumento de produção no próximo ano.

Para este ano, Estrella projeta crescimento na produção em torno de 1 a 2 por cento, bem abaixo das estimativas iniciais da empresa de incremento de 10 por cento no início do ano sobre a média de 1,78 milhão de barris diários em 2006.

Além dos atrasos nas obras das plataformas, paradas programadas e alguns acidentes em unidades, a produção da Petrobras é afetada naturalmente pelo declínio natural da produção, explicou Estrella, que gira em torno de 6 a 8 por cento anualmente.   Continuação...