Caterpillar diz que braço financeiro não foi afetado por crise

terça-feira, 23 de setembro de 2008 09:41 BRT
 

LAS VEGAS, 23 de setembro (Reuters) - O presidente-executivo da Caterpillar (CAT.N: Cotações) afirmou que o braço de financiamentos da companhia, encarregado por emprestar dinheiro para compradores dos equipamentos de construção e mineração da companhia, não foi afetado pela turbulência do mercado de crédito e de Wall Street.

Jim Owens, presidente-executivo e do conselho da Caterpillar, disse em uma entrevisa exclusiva durante a feira MINExpo que enquanto na "semana passada, por um dia ou dois, todos os mercados para notas de médio-prazo estavam fechados a qualquer um", o segmento financeiro da Caterpillar encontrou muitos compradores para os seus papéis.

"Nós fomos muito bem-sucedidos e tivemos forte demanda por nossos papéis basicamente porque nós somos transparentes, somos muito sólidos, somos tradicionais, emprestamos a pessoas que conhecemos, sabendo como revender."

"Ter nossa própria companhia financeira nessas épocas é uma vantagem muito grande."

Owenn chamou a atual crise de "uma bagunça" causada por regulação frouxa e que a reposta política era "um mal necessário" para proteger o mercado de mais danos.

"Eu acredito que se eles não tivessem tomado ação tão assertiva nós terminaríamos com uma ruptura, se quiser chamar assim, nos mercados de crédito global e isso seria altamente danoso à economia global."

(Reportagem de James B. Kelleher)