BOVESPA-Commodities fazem índice cair, na contramão de Wall St

terça-feira, 23 de setembro de 2008 11:47 BRT
 

SÃO PAULO, 23 de setembro (Reuters) - A Bolsa de Valores de São Paulo operava sem tendência definida nesta terça-feira, diante da performance desencontrada das ações de empresas ligadas a commodities, a despeito do movimento positivo de Wall Street.

Depois de alternar alta e baixa desde o início da sessão, o Ibovespa .BVSP registrava queda de 1,1 por cento, aos 50.976 pontos, às 11h46. O giro financeiro do pregão era de 1,4 bilhão de reais.

De acordo com profissionais do mercado, a espera pela aprovação do plano do governo norte-americano para contornar a crise financeira desestimula os investidores a montar posições mais sólidas, preferindo negociar no curtíssimo prazo, o que deixa os índices bastante voláteis.

"Enquanto não sair a aprovação do plano, vai ficar esse sobe e desce", disse Carlos Alberto Ribeiro, diretor da Novação Distribuidora.

De um lado, a Bovespa era influenciada pela recuperação do setor financeiro em Wall Street, ao patrocinar a recuperação das ações domésticas do setor. Em destaque, Banco do Brasil (BBAS3.SA: Cotações) subia 1,50 por cento, a 22,33 reais, seguida por BM&F Bovespa (BVMF3.SA: Cotações), com avanço de 0,69 por cento, a 8,71 reais.

Em contrapartida, papéis ligados a commodities exibiam perdas, movimento liderado pelo setor de mineração e siderurgia. Uma das que mais perdiam era Vale (VALE5.SA: Cotações), com baixa de 2,12 por cento, a 34,70 reais.

"O investidor está repercutindo informações de que outras gigantes de mineração poderiam passar a negociar no mercado físico de minério, o que faria o preço do metal cair", disse Luiz Roberto Monteiro, assessor de investimentos da corretora Souza Barros.

Petrobras (PETR4.SA: Cotações), a outra blue chip da bolsa paulista, recuava 1,15 por cento, para 34,50 reais, na mesa toada do petróleo CLc1, cujo barril caía para a faixa de 108 dólares, depois de forte alta na segunda-feira.

(Reportagem de Aluísio Alves; Edição de Vanessa Stelzer)