Inflação pelo IPC-S acelera pela 7a semana seguida no fim de mês

quarta-feira, 23 de abril de 2008 08:10 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - Pressionada sobretudo pelos custos de alimentos e vestuário, a inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) acelerou pela sétima semana consecutiva na terceira leitura de abril, informou a Fundação Getúlio Vargas (FGV), nesta quarta-feira.

O dado ficou em 0,81 por cento, exatamente em linha com a mediana de previsões de analistas consultados pela Reuters e acima da leitura de 0,76 por cento na segunda prévia de abril.

Os preços do grupo Alimentação tiveram alta de 1,92 por cento na terceira leitura do mês, ante avanço de 1,70 por cento na divulgação anterior.

Os de Vestuário elevaram-se em 0,90 por cento, contra alta de 0,57 por cento na segunda prévia.

Também tiveram aceleração os custos de Saúde e cuidados pessoais, para 0,51 por cento na terceira leitura, ante 0,32 por cento antes.

As maiores altas individuais de preços vieram dos alimentos: tomate (34,83 por cento), mamão papaia (31,88 por cento), pão francês (7,58 por cento), leite longa vida (4,10 por cento) e cebola (15,56 por cento).

(Por Vanessa Stelzer)