BOLSA EUROPA-Índice sobe 2,1% com bancos e setor automotivo

quarta-feira, 23 de julho de 2008 13:14 BRT
 

LONDRES, 23 de julho (Reuters) - O principal índice das bolsas de valores européias fechou em alta de mais de 2 por cento nesta quarta-feira, melhor dia para as ações de bancos em quatro meses com a expectativa antes da votação de um projeto sobre o setor imobiliário dos Estados Unidos.

O setor automotivo também teve bom desempenho, puxado por fortes lucros e pela queda do petróleo.

De acordo com dados preliminares, o índice FTSEurofirst 300 .FTEU3 subiu 2,11 por cento, para 1.189 pontos.

Os bancos, que ainda apresentam queda de 30 por cento desde o começo do ano, tiveram a maior alta diária desde meados de março. O índice DJStoxx do setor bancário europeu teve alta de 6,2 por cento.

O HBOS HBOS.L disparou 16,8 por cento em meio à especulação de que o espanhol BBVA (BBVA.MC: Cotações) pode comprar a instituição britânica. Os dois bancos se negaram a comentar.

Também se destacaram o Barclays (BARC.L: Cotações), com alta de 11,8 por cento, o Credit Agricole (CAGR.PA: Cotações), com avanço de 7,4 por cento, e o Credit Suisse CSGN.VX, com valorização de 7,1 por cento.

"Qualquer coisa que dê sustentação ao mercado de hipotecas é encorajador", disse Stephen Pope, estrategista-chefe para mercados globais da Cantor Fitzgerald Europe.

Todos os olhos estavam na Câmara dos Deputados dos Estados Unidos, que deve votar após as 16h30 (horário de Brasília) um projeto de auxílio ao setor imobiliário, incluindo um plano para socorrer as gigantes de hipotecas Fannie Mae FNM.N e Freddie Mac FRN.N.

Em LONDRES, o índice Financial Times .FTSE fechou em alta de 1,6 por cento, a 5.449 pontos.   Continuação...