Lula quer definir com Cristina posição comum para reunião com G8

quinta-feira, 23 de outubro de 2008 18:28 BRST
 

BRASÍLIA, 23 de outubro (Reuters) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva telefonou nesta quinta-feira para a presidente da Argentina, Cristina Kirchner, para combinar uma estratégia de ação a ser usada no encontro do G8 com países emergentes.

A reunião proposta por Bush para debater a crise financeira global acontecerá em Washington, nos dias 14 e 15 de novembro.

Segundo fonte do Palácio do Planalto, em conversa de 10 minutos com Cristina Kirchner nesta manhã, Lula propôs que os ministros da Fazenda dos dois países "fechem uma posição comum" na véspera para fortalecer sua atuação.

Antes desse encontro de chefes de Estado e de governo, haverá uma reunião de ministros da Fazenda do G-20, em São Paulo, de 7 a 9 de novembro, preparatória para a cúpula de Washington.

(Reportagem de Natuza Nery; edição de Mair Pena Neto)