BC vê déficit de US$21 bi nas contas externas em 2008

segunda-feira, 23 de junho de 2008 11:22 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - O Brasil registrou em maio um déficit em transações correntes de 649 milhões de dólares, e o Banco Central elevou a 21 bilhões de dólares sua projeção para o déficit de 2008.

Até o mês passado, o BC projetava um resultado negativo de 12 bilhões de dólares para as transações correntes do país neste ano.

O mercado estima um déficit de 23 bilhões de dólares para a conta corrente brasileira em 2008, segundo pesquisa semanal feita pelo Banco Central com analistas e empresas.

O resultado de maio foi pior do que o apurado no mesmo período do ano passado, quando as transações correntes do país acumularam um déficit de 151 milhões de dólares.

No acumulado em 12 meses, o déficit da conta corrente somou o equivalente a 1,11 por cento do Produto Interno Bruto (PIB), ante déficit de 1,08 por cento do PIB em 12 meses até abril, informou o BC nesta segunda-feira.

Os dados externos brasileiros têm se deteriorado nos últimos meses refletindo uma elevação das importações e das remessas de lucros e dividendos feitas pelas empresas.

O BC estima agora que a balança comercial fechará o ano com superávit de 25 bilhões de dólares, ante projeção anterior de 27 bilhões de dólares. A estimativa para as remessas de lucros e dividendos foi elevada a 29 bilhões de dólares, ante prognóstico anterior de 24 bilhões de dólares.

Os investimentos estrangeiros diretos no país somaram 1,313 bilhão de dólares no mês passado, ante 497 milhões de dólares em maio do ano passado. No ano, o país acumula investimentos estrangeiros de 13,984 bilhões de dólares, e o BC estima que essa conta fechará 2008 em 35 bilhões de dólares.

(Por Isabel Versiani; Edição de Renato Andrade)