Governo em exílio diz que 130 foram mortos no Tibet

segunda-feira, 24 de março de 2008 08:26 BRT
 

DHARAMSALA (Reuters) - O governo tibetano no exílio aumentou para 130 o número de mortes confirmadas no conflito entre policiais chineses e manifestantes tibetanos, disse um porta-voz na segunda-feira.

"São 130, principalmente das regiões leste e nordeste do Tibet", disse à Reuters Thubten Samphel, porta-voz do governo em exílio.

(Reportagem de Jonathan Allen)