Caterpillar compra MGE e ingressa em trens no Brasil

terça-feira, 24 de junho de 2008 11:38 BRT
 

NOVA YORK/SÃO PAULO (Reuters) - A Caterpillar anunciou nesta terça-feira a compra da brasileira MGE Equipamentos & Serviços Ferroviários Ltda, fabricante de motores e outros componentes e serviços para locomotivas e trens, como parte do objetivo de expandir sua divisão Progress Rail Services na América do Sul.

O acordo marca a primeira expansão da Progress Rail fora dos Estados Unidos, Canadá e México.

A operação foi concluída na segunda-feira com a compra das cotas dos quatro sócios da MGE, disse Ronaldo Moriyama, diretor-geral da companhia, que continuará no cargo após a operação, por telefone. A MGE foi fundada em 1991 e tem cerca de 400 funcionários e as conversas com a Caterpillar já duravam cinco meses.

"Esse mercado de serviços ferroviários tem crescido principalmente após 1997, quando houve privatizações da parte de carga por locomotiva... Hoje tem havido um grande investimento para transporte de grãos, commodities nessa área ferroviária de carga e também de passageiros", disse Moriyama.

"Somente o Estado de São Paulo até 2010 vai investir 16 bilhões de reais nessa área, e ainda se está falando em trem rápido entre Rio de Janeiro e São Paulo e há grandes expectativas de investimento em transporte em Minas Gerais e Salvador."

A MGE investiu em 2007 cerca de 2 milhões de dólares para aumentar capacidade de produção e espera um aumento desse volume a partir do acordo.

Segundo o executivo, a Progress tem muitas locomotivas usadas nos Estados Unidos e elas podem ser modernizadas no Brasil, usando motores Caterpillar. Interessados nessas máquinas poderiam então fazer leasing delas no Brasil e Cone Sul, acelerando o prazo de entrega em relação a uma locomotiva nova, disse o executivo.

"Hoje uma nova locomotiva pode ser entregue em cerca de 14 meses e uma usada pode estar rodando em 90 dias", disse Moriyama.

(Reportagem de Nick Zieminski em Nova York e Alberto Alerigi Jr. em São Paulo)

REUTERS VS